Alienação Parental

Alienação Parental

A alienação parental é o processo e o resultado da manipulação psicológica de uma criança em mostrar medo, desrespeito ou hostilidade injustificados em relação ao pai ou mãe e/ou a outros membros da família. Wikipédia

Quais as consequências da alienação parental para a criança ou adolescente?

O final de um casamento é sempre um marco e tanto na vida do casal, os filhos são os que mais sofrem, e as crianças sofrem ainda mais com essa mudança. Muda a rotina, e sentimentos como medo e insegurança podem aparecer em diferentes doses, dependendo da criança e, a forma como os pais lidam com a situação. Desse jeito, “cada criança reage de uma forma quando submetida à alienação parental”. Tal situação pode trazer consequências gravíssimas para os filhos.

A quem se deve recorrer em caso de alienação parental?

Você deve procurar e conversar com a pessoa que vem causando tal situação e explicar o quanto isso é prejudicial a uma criança e adolescente. Se você está passando ou já passou por uma situação semelhante e não conseguiu resolver o problema, talvez seja o momento de pensar em buscar ajuda judicial, visto que a prática da alienação parental é prejudicial à formação psicológica e afetiva de crianças e adolescentes.

Tente falar da separação de uma forma que não prejudique a imagem do outro, é importante para que os pequenos entendam que há uma grande diferença entre amor de pai e pai e mãe e amor de marido e mulher, assim como a relação amorosa dos pais e a relação entre mãe/pai-filhos.

Proteja seus filhos dos conflitos procedente da separação e não os envolver em disputas e desafetos é fundamental, de vital importância para a saúde psíquica deles. No momento de mudança para os pequenos, os adultos devem estar preparados para serem figuras de apoio, confiança e carinho.

Por essa razão, os pais devem ter obrigação de buscar meios de se cuidarem e de se ouvirem, para estarem bem consigo mesmos e em suas relações com os filhos, lidando com sentimentos, se fortalecendo enquanto pais/cuidadores/homem/mulher.

 “Em certos casos, o melhor do casamento é a separação. Principalmente quando o casal vive brigando, agressões verbais e até física. Separar muitas das vezes é uma forma de se libertar” – Pensador